Category Archives: Esportes

ADJ recebe prêmio de melhor torcida do baianão

Leur Jr destaca prêmio recebido pelo Jequié de equipe mais disciplinada e melhor torcida do Campeonato Baiano O presidente da Associação Desportiva Jequié (ADJ), deputado estadual Leur Lomanto Jr. ressaltou a satisfação pelos destaques alcançados pelo time, no Campeonato Baiano de Futebol deste ano. Na premiação dos melhores do campeonato, o Jequié conquistou os prêmios de equipe mais disciplinada e de melhor torcida. “Esse reconhecimento mostra a força do time do ADJ. Foi uma enorme alegria para mim hoje ter participado da premiação dos melhores do Campeonato Baiano de Futebol, onde o Jequié ganhou esses prêmios. Agradeço a todos pela confiança em nosso trabalho e a essa torcida maravilhosa que ajuda tanto o seu time do coração. Vamos lutar para que possamos obter cada vez mais êxitos”, afirmou. O deputado participou do evento realizado pela Federação Bahiana de Futebol (FBF) e TV Bahia, no Restaurante Boi Preto, em Salvador.

FacebookTwitterGoogle+Share

Bahia volta a vencer o Vitória e é campeão baiano de 2018

 

O Bahia conquistou o seu 47° título de campeão baiano neste domingo (8). O Tricolor, que precisava de um empate para levantar o caneco, voltou a vencer o Vitória, desta vez por 1 a 0, no estádio do Barradão, pela segunda partida da final do Campeonato Baiano. O gol do triunfo foi marcado pelo volante Elton no segundo tempo de jogo. O placar do confronto agregado terminou 3 a 1 a favor do Esquadrão de Aço. (Bahia Notícias)

FacebookTwitterGoogle+Share

Por aclamação, Ricardo de Lima é eleito novo presidente da FBF

O candidato Ricardo de Lima foi eleito por aclamação presidente da Federação Bahiana de Futebol (FBF), na tarde desta terça-feira (3), no Wish Hotel da Bahia, em Salvador. A chapa, intitulada “Modernidade e Serenidade para o Futebol Baiano”, encabeçada por ele, tem como vice-presidente Manfredo Lessa e foi a única inscrita no pleito da entidade. O advogado eleitoral Ademir Ismerim teve o registro de sua candidatura negado e busca na Justiça suspender o resultado da eleição (entenda aqui). Nesta tarde, o representante da Liga de Maragogipe solicitou a aclamação e o estatuto define que, se ninguém se opuser, o candidato é eleito. Ricardo de Lima é o vice-presidente da atual diretoria e foi apoiado pelo presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues, que está há 16 anos no cargo. O novo presidente assumirá o cargo no dia 16 de janeiro de 2019 e comandará o futebol baiano até 16 de janeiro de 2023. Ao todo, compareceram 118 eleitores. Foram 99 ligas amadoras, oito clubes da Série A, 10 da Série B e o zagueiro Lídio, da Jacuipense, como representante dos atletas. (Bahia Notícias)
FacebookTwitterGoogle+Share

Ednaldo Rodrigues desiste de reeleição na FBF; Ricardo de Lima é o candidato

Foto: Divulgação/ FBF

No comando da Federação Bahiana de Futebol (FBF) desde 2001, Ednaldo Rodrigues não será mais candidato à reeleição, no pleito desta terça-feira (3), a partir das 14h. Atual vice-presidente, Ricardo de Lima irá disputar o cargo máximo da entidade que controla o futebol baiano. “Decidimos pela candidatura de Ricardo. Ele é experiente. Já tínhamos essa pretensão na eleição passada. Esse foi um desejo também dos filiados”, disse Ednaldo Rodrigues, em entrevista ao Bahia Notícias. Como nenhuma outra chapa foi registrada, a expectativa é que Ricardo de Lima seja eleito por aclamação. O vice será Manfredo Lessa, atual diretor jurídico da FBF. No entanto, a posse da nova diretoria será somente em janeiro do ano que vem, quando expira mandato de Ednaldo Rodrigues. (Bahia Notícias)

FacebookTwitterGoogle+Share

Eleição da FBF pode ser suspensa por liminar

A eleição para a presidência e vice-presidência da Federação Bahiana de Futebol (FBF) pode não acontecer nesta terça-feira (3). Após a marcação da data pelo atual presidente Ednaldo Rodrigues, uma liminar poderá ser concedida pela Justiça para suspender a votação. A ação foi proposta pelo advogado Ademir Ismerim, pré-candidato à presidência da entidade, e pela Liga Desportiva de Quixabeira, filiada à FBF. Ambos não aceitaram as irregularidades cometidas no processo por Ednaldo Rodrigues, que visa seu benefício próprio ou de um possível candidato seu para o cargo. Foram citados na ação a própria FBF e seu mandatário. Há a alegação de que o único dia útil entre a última publicação do edital, em 28 de março, e a eleição é esta segunda-feira (2), já que a última sexta (3) foi feriado em todo o país. O prazo para registro de candidaturas é de até cinco dias antes da eleição. Ismerim e a Liga alegam que a convocação da eleição durante o feriado deu-se de forma premeditada, com a intenção de impedir um processo democrático. Ednaldo Rodrigues nunca havia enfrentado um adversário nas eleições da entidade e tem Ismerim como seu primeiro candidato opositor nestes 16 anos de mandato. Os requerentes também alegam que, para ser inscrita, uma chapa precisa de 20% do colégio eleitoral e ser apresentada em até cinco das antes da eleição. O prazo, portanto, se encerraria no dia 29 de março, dia em que não teve expediente no Poder Judiciário, por conta do feriado de semana santa. Para piorar, surpreendentemente, a Liga de Quixabeira foi retirada da relação de aptas a votar no dia 28 de março. Mas, em dezembro de 2017, ela constava na relação das Ligas Filiadas no site da FBF, estado apta a participar da assembleia de reforma do estatuto da entidade. Na ação (confira na íntegra abaixo), Ismerim e a Liga de Quixabeira ainda comprovam as manobras de Ednaldo Rodrigues para impedir candidatura contrária à sua e alegam que a manutenção da eleição é um grave risco e lesão irreparável para os autores e para a coletividade em geral pela iminência da eleição viciada. O processo foi distribuído para a 6ª Vara Cível de Salvador. A expectativa é de que o juiz responsável anuncie a qualquer momento sua decisão sobre a liminar. (Bocão News)

FacebookTwitterGoogle+Share

Bahia vence o Vitória e joga pelo empate no Barradão para levantar a taça

O Esporte Clube Bahia fez valer o mando de campo e o apoio dos quase 40 mil tricolores (precisamente 39.675 torcedores) na Arena Fonte Nova e na tarde deste domingo largou na frente pela conquista do título baiano de 2018, é claro que poderia ser melhor e esta foi a sensação após o apito final, afinal, enfrentou um rival desfalcado de quatro ou cinco titulares, ainda assim conquistou um bom resultado ao vencer por 2 a 1, e desta forma carrega para o jogo de volta no Barradão a vantagem de jogar pelo empate, enquanto o Leão precisa vencer por qualquer placar para carimbar o tricampeonato. Os gols do Bahia foram anotados por Edigar Junio e Vinícius (pênalti), enquanto o jovem Luan diminuiu para o Vitória. O jogo de volta acontece no próximo domingo (8), no estádio Manoel Barradas, e assim como aconteceu neste domingo por recomendação do Ministério Público, no Barradão só teremos torcedores do Leão.

Jogando no 4-2-3-1 e sentindo muito a ausência de Nino Paraíba, o Bahia entrou em campo travado, sem conseguir criar, errando muitos passes. O Vitória, por sua vez, bem postado no 4-4-2 com duas linhas fixas de 4, e chegando ao ataque com perigo, inclusive, criando a 1ª chance do jogo em cabeçada de Belusso defendida por Douglas. O Bahia criou as principais jogadas pelo lado direito, em um dia inspirado de Marco Antônio. Mas o gol só foi sair em jogada pelo meio. Aos 24 minutos, Vinícius descolou ótimo passe para Edigar Junio marcar. Depois do gol, o cenário mudou, o Esquadrão cresceu e teve chance de aumentar, porém, viu o Vitória quase empatar em lance polêmico. Neilton arrancou livre, e Douglas teve que deixar a área para afastar. Os rubro-negros pediram expulsão do goleiro por ter raspado com a mão depois de tocar com o ombro, fora da área. O árbitro marcou a infração e deu amarelo.

No segundo tempo, logo aos 8 minutos, o Bahia aumentou o placar com Vinícius sofrendo e convertendo pênalti, cometido por Fernando Miguel. A torcida tricolor ainda comemorava o gol, mas 5 minutos depois com boa triangulação terminando com passe de Neílton e belo gol de Luan. Com o 2 x 1 no placar, o jogo ficou aberto e movimentado. Os tricolores querendo o terceiro para levar uma vantagem maior para o Barradão, enquanto os rubro-negros tentando arrancar o empate que seria essencial, porém, parou por aí. O resultado acabou não sendo satisfatório para o Vitória, porém, pelo lado tricolor ficou a sensação de que poderia ter sido melhor. (Futebol Bahiano)

FacebookTwitterGoogle+Share

Tabela das semifinais do Campeonato Baiano é definida; confira

Na tarde desta segunda-feira (12) a Federação Bahiana de Futebol (FBF) definiu a tabela dos jogos das semifinais do Campeonato Baiano de 2018. A principal dúvida era quanto às partidas de volta, já que Bahia e Vitória vão atuar em Salvador e, por questões de segurança, as partidas precisam acontecer em dias diferentes. Diante disso, ficou definido que tanto nas partidas de ida, como nas partidas de volta, as duas semifinais acontecerão em dias diferentes, sendo que cada clube jogará uma partida num sábado e uma partida no domingo. A tabela ficou da seguinte forma:

Jogos de Ida:
Juazeirense x Bahia – Adauto Moraes – Sábado (17/03) às 18h30
Bahia de Feira x Vitória – Joia da Princesa – Domingo (18/03) às 16h

Jogos de volta:
Vitória x Bahia de Feira – Barradão – Sábado (24/03) às 17h
Bahia x Juazeirense – Arena Fonte Nova – Domingo (25/03) 16h

(Bocão News)

FacebookTwitterGoogle+Share

Tite convoca seleção para dois amistosos

Fornecido por Fundação Cásper Líbero

O Brasil deu mais um passo em direção à Copa do Mundo nesta segunda. Com algumas surpresas e muitos testes, Tite anunciou os atletas que farão parte da última lista antes da convocação final para a Copa do Mundo, em maio.

O treinador decidiu chamar dois atletas a mais do que o comum, totalizando 25 nomes. A ideia é dar oportunidade a jogadores que não vinham sendo lembrados. O direcionamento trouxe surpresas, como o goleiro Neto (Valencia), o meia Anderson Talisca (Besiktas) e o atacante Willian José (Real Sociedad).

Willian José em ação pela Real Sociedad

© Getty Willian José em ação pela Real Sociedad

Os convocados disputarão dois amistosos para tentar garantir as últimas vagas restantes na seleção que disputará o mundial de 2018. No dia 23 de março, enfrentam a Rússia. Quatro dias depois, voltam jogam pela primeira vez contra a Alemanha após o 7 a 1, em Berlim. Além da ausência de Neymar, lesionado, outro destaque que ficou de fora da lista foi Luan, atacante do Grêmio que brilhou na Libertadores e anotou dois gols no Grenal deste domingo.

Talisca jogando pelo Besiktas

Talisca jogando pelo Besiktas

Se o camisa sete do tricolor gaúcho não atuará com a amarelinha nos amistosos, outros atletas do futebol nacional receberão a oportunidade. São os casos de Fagner (Corinthians), Geromel (Grêmio) e Rodrigo Caio (São Paulo).

Veja a lista dos 25 convocados para os amistosos pré-Copa:

Goleiros: Alisson (Roma), Ederson (Manchester City) e Neto (Valencia).

Laterais: Daniel Alves (PSG), Marcelo (Real Madrid), Filipe Luís (Atlético de Madri) e Fagner (Corinthians)

Zagueiros: Miranda (Internazionale), Marquinhos (PSG), Thiago Silva (PSG), Geromel (Grêmio) e Rodrigo Caio (São Paulo).

Meio-campistas: Casemiro (Real Madrid), Fernandinho (Manchester City), Paulinho (Barcelona), Renato Augusto (Beijing Guoan), Fred (Shakhtar Donetsk), Philippe Coutinho (Barcelona), Willian (Chelsea) e Anderson Talisca (Besiktas).

Atacantes: Gabriel Jesus (Manchester City), Roberto Firmino (Liverpool), Douglas Costa (Juventus), Willian José (Real Sociedad) e Taison (Shakhtar Donetsk). (MSN)

FacebookTwitterGoogle+Share

Abaixo assinado é promovido para tirar Ednaldo Rodrigues da FBF

A insatisfação com o presidente da Federação Bahiana de Futebol é tão grande que até abaixo assinado está sendo circulado no intuito de retirar Ednaldo Rodrigues da presidência da entidade. Torcedores anônimos promoveram o “Por renovação na FBF, FORA EDNALDO”, onde recolhe assinaturas virtuais de desportistas, dirigentes de futebol, imprensa e torcedores. Confira o argumento dos torcedores anônimos contra o presidente Ednaldo Rodrigues: “O futebol baiano está um caos com uma gestão arcaica, ultrapassada e incompetente que já dura 16 anos. Nenhuma instituição do país aceita tamanha falta de democracia e transparência. Nos mesmos moldes das gestões da CBF apoiadas por Ednaldo, a FBF hoje é praticamente uma empresa familiar. Os parentes de Ednaldo e da esposa dele ocupam lugar em TODOS os departamentos da Federação Bahiana de Futebol. (Bocão News)

FacebookTwitterGoogle+Share

Ministério Público pede afastamento de presidente da Federação Paulista de Futebol

O Ministério Público de São Paulo pediu, na quarta-feira (7), o afastamento imediato de Reinaldo Bastos da presidência da FPF (Federação Paulista de Futebol). Para o promotor Marcelo Milani, houve improbidade administrativa da parte do presidente em ignorar uma recomendação do MP de julho do ano passado. Pelo mesmo motivo, também prescreve o afastamento de dois comandantes da Polícia Militar do estado: Nivaldo Restivo e Alexandre Gasparian. Na época, o órgão pediu a instalação de biometria nas estradas dos estádios e que fosse cumprida a determinação legal que impede alguns torcedores de entrarem nos jogos, como é o caso dos condenados por crimes previstos no Estatuto do Torcedor. O pedido do magistrado vem poucos dias após a morte por espancamento de um torcedor do Corinthians após um jogo no estádio do Pacaembu. A ação determina que um interventor assuma a Federação Paulista de Futebol. (Bocão News)

FacebookTwitterGoogle+Share

Itacaré: Campeonato baiano de enduro de regularidades acontece neste final de semana

Mais de 80 atletas de diversas cidades baianas estarão participando da primeira etapa do Campeonato Baiano de Enduro de Regularidade, que acontece em Itacaré neste final de semana, nos dias 03 e 04 de março. As inscrições devem ser feitas no dia 03 de março no Restaurante Beco das Flores, a partir das 18 horas. A largada oficial será às 8 horas da manhã do dia 04, na Praça do Canhão, com chegada prevista para as 14 horas. A prova terá 156 quilômetros de distância, com saída da sede trilhas até Ubaitaba pela face norte do Rio de Contas. De Ubaitaba retornará pela face sul do Rio de Contas via Taboquinhas. A proposta é realizar uma prova com muitos obstáculos, mas também cercada pelas belezas naturais do município de Itacaré. A realização do evento é da Web-Lama, em parceria com a Prefeitura Municipal de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura. De acordo com os organizadores, a prova em Itacaré promete abrir com chave de ouro o campeonato baiano de enduro regularidade. “Itacaré promete estremecer o campeonato baiano de enduro de regularidade e a prova não medirá esforços para que sua estreia no calendário do esporte seja de forma inesquecível. Paisagens exuberantes, trilhas inéditas e um local paradisíaco são mais do que atrativos para que tudo comece com o pé direito. A animação e entusiasmo já se mostram presente nas intensas movimentações nos grupos das redes sociais dos pilotos”, explicaram. O enduro de regularidade é uma competição de resistência onde o que importa é a regularidade. Os obstáculos ao longo do percurso tendem a tirar o piloto do seu tempo ideal de prova. É necessário um profundo entrosamento entre a moto e o piloto e um bom conhecimento de navegação por que no final do dia, ganha quem erra menos. (Políticos do Sul da Bahia)

FacebookTwitterGoogle+Share

Vitória até o julgamento é o único invicto do Campeonato Baiano

Foto: Mauricia da Matta / EC Vitória

O Campeonato baiano vai chegando ao final da sua primeira fase. Em duas rodadas saberemos os quatro classificados para as semifinais da competição, com o primeiro classificado encarando o quarto colocado, enquanto o segundo, bate de frente com terceiro. Neste cenário considerando o AGORA, teríamos o Vitória enfrentando o Fluminense de Feira e o Bahia a Juazeirense, curiosamente estes clubes ainda não se enfrentaram até então na atual competição. Evidente que muito haverá de acontecer até lá já que disputa pela 3ª e 4ª vaga ainda está aberta. Dificilmente Vitória e Juazeirense cederão às duas primeiras posições. O Campeonato ainda que criticado pelo pouco valor, este ano pelo menos mostra boa competitividade entre os clubes do interior com o Fluminense, Bahia e Jequié vivos na competição com chances de superar a 1ª fase.

Destaque negativo outra vez é o Vitória da Conquista fora do páreo mas sempre foi apontado como aspirante graduado para assumir a terceira força já cedeu o posto para a Juazeirense, este sim, uma boa surpresa, inclusive perdendo a invencibilidade apenas na rodada passada ao perder para o Fluminense de Feira no Jóia da Princesa ainda assim, briga cabeça, cabeça contra o Vitória pelo primeiro lugar e as vantagens do mando de campo e empate na seqüência da competição. Finalizada a 7ª rodada, o Esporte Clube Vitória é o único invicto da competição, em campo não perdeu para ninguém ainda que tenha sido subtraindo a pontuação obtida no empate contra o Bahia, através de ato da Federação Bahiana de Futebol diante dos problemas registrado no jogo do Barradão, no entanto, o clube, entrou com um recurso contra a decisão da FBF em declarar o Bahia vencedor do Ba-Vi pelo placar de 3×0. Pede o Leão através de mandado de garantia que o ato do presidente Ednaldo Rodrigues, da FBF só tenha efeito após julgamento de tal recurso.

Classificação
1º Vitória – 16 Pontos
2º Juazeirense – 16 Pontos
3º Bahia – 14 pontos
4º Fluminense de Feira – 13 Pontos
5º Bahia de Feira 13 pontos
6º Jequié – 10 Pontos
7º Jacuipense – 7 Pontos
8º Vitória da Conquista – 6 Pontos
9º Jacobina – 4 Pontos
10º – Atlântico – 1 ponto.

Próxima rodada
Vitória x Jacobina
Juazeirense x Bahia
Bahia de Feira x Atlântico
Vitória da Conquista x Fluminense de Feira
Jequié x Jacuipense.

FacebookTwitterGoogle+Share

Julgamento de confusão do Ba-Vi acontece na próxima terça-feira

Doze jogadores foram denunciados após a confusão no clássico

Após denúncia do procurador Herme Hilarião ao Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Bahia (TJD-BA), foi definida a data do julgamento sobre a confusão no último Ba-Vi. A sessão foi marcada para a próxima terça-feira, 27, às 18h, no Palácio dos Esportes, na Praça Castro Alves, em Salvador. O Vitória foi acusado pela promotoria do TJD-BA de ter terminado o jogo de forma proposital. Foram denunciados os jogadores Kanu, Bruno Bispo, Denilson, Rhayner, Yago, Fernando Miguel, Ramon e André Lima. Pelo Bahia, estão os atletas Vinicuis, Edson, Rodrigo Becão e Lucas Fonseca. (Atarde)

FacebookTwitterGoogle+Share

Procurador pede rebaixamento do Vitória e denuncia atletas por brigas

Doze jogadores foram denunciados após a confusão no clássico

O procurador Herme Hilarião apresentou na tarde desta quinta-feira, 22, a denúncia no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-BA)  para solicitar o rebaixamento do Vitória no Baianão, após a confusão no clássico Ba-Vi do último domingo, 18. A procuradoria também pediu a desclassificação do clube por interromper o jogo de forma proposital. Em contato com a reportagem do Portal A TARDE, o procurador, que foi o sorteado para cuidar do caso, afirmou que 12 jogadores da dupla Ba-Vi foram denunciados por agressão ou conduta antidesportiva, além do técnico Vagner Mancini e o supervisor Mário Silva. “Entendemos que foi solicitado o encerramento da partida pelo Esporte Clube Vitória, através de seus jogadores, comissão técnica e diretoria. A conduta, que prejudicou diretamente outras equipes como Fluminense de Feira e Jequié na tabela de classificação, é vista como antiética pelo código da FIFA”, disse Hilarião. Pelo Vitória, foram denunciados os jogadores Kanu, Bruno Bispo, Denilson, Rhayner, Yago, Fernando Miguel, Ramon e André Lima. Pelo Bahia, estão os atletas Vinicuis, Edson, Rodrigo Becão e Lucas Fonseca. Uillian Correia não foi denunciado, pois o procurador entendeu que o jogador foi expulso por circunstâncias do jogo. As condutas do técnico Mancini e do supervisor Mário Silva também serão avaliadas e julgadas. O julgamento deverá ocorrer já na próxima semana, provavelmente na terça-feira. Com a denúncia encaminhada ao TJD-BA, serão escolhidos o relator e a comissão que avaliará a causa.

Briga

Quanto à briga que se originou após a comemoração de gol do meia tricolor Vinicius, o próprio foi denunciado por fazer gestos obscenos (pena prevista: dois a seis jogos).  Por ato hostil foi enquadrado o goleiro Fernando Miguel, do Leão. (uma a três partidas). O zagueiro Lucas Fonseca, do Bahia foi denunciado por empurrar com força excessiva no pescoço, qualificado por ato hostil e desleal (também de um a três jogos). Já por agressão entraram  os rubro-negros Yago, Denilson e Rhayner, além dos tricolores Edson e Rodrigo Becão (quatro a 12 jogos). O zagueiro Kanu, do Vitória, foi denunciado por agressão e ameaça (quatro a 12 jogos e multa de R$ 100 a R$ 100 mil). (Atarde)

FacebookTwitterGoogle+Share

Vídeo: Vitória pode ser até excluído do Baianão, diz Procurador do TJD-BA

O vergonhoso BA-VI do último domingo no estádio do Barradão foi encerrado dentro das quatro linhas, diga-se, até antes do esperado, porém, fora das quatro linhas está longe de acabar, afinal, ainda existem muitos assuntos para serem estudados e resolvidos. Um deles é a punição aos jogadores pelas cenas lamentáveis de selvageria após comemoração do gol do meia Vinícius. Mas não é apenas os atletas que podem ser punidos. Os clubes também. De acordo com o Procurador do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Bahia (TJD-BA), Ruy João Ribeiro, o Esporte Clube Vitória corre o risco de ser excluído do Campeonato Baiano de 2018, se for comprovado as irregularidades.

“O artigo diz que: se houver o prejuízo a terceiros, em decorrência da atitude do clube mandante, isto pode levar a desclassificação”, disse.

Em entrevista ao programa Cidade Alerta, da Record TV Itapoan, Ruy também comentou sobre a suposta orientação do técnico Vagner Mancini ao zagueiro Bruno Bispo para forçar a quinta expulsão e consequentemente o término do jogo. Segundo o Procurador, caso seja comprovado que o treinador induziu o zagueiro a ser expulso, ele será punido.

“Todo esportista está sujeito as infrações previstas. Se comprovar que o Mancini induziu o jogador a tomar o cartão, ele pode sim ser punido”, afirmou.

Ainda de acordo com Ruy João, as imagens e súmula da partida serão analisadas e jogadores das duas equipes podem responder. O Procurador também falou sobre a “dancinha” de Vinícius durante a comemoração do gol de empate. De acordo com ele, a conduta será investigada.

“Houve uma confusão generalizada ocorrendo agressões mutuas, dos jogadores de Bahia e Vitória e certamente eles também serão investigados pelo Tribunal. Vai haver uma investigação para avaliar se o ato da comemoração foi um ato de violência contra a torcida. Se o procurador entender que o ato viola a conduta esportiva, ele vai punir o jogador”, finalizou.

FacebookTwitterGoogle+Share

Especialista em leitura labial revela ordem de Mancini para Bruno Bispo forçar expulsão

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O clássico entre Vitória e Bahia, disputado no último domingo (18), no Barradão, foi marcado por pancadaria e nove expulsões. O zagueiro Bruno Bispo recebeu o último cartão vermelho e com isso a partida precisou ser encerrada, já que o Leão tinha jogadores insuficientes em campo. Nesta altura, o placar estava em 1 a 1. Após o apito o final, o técnico Vagner Mancini bateu o pé e garantiu que não orientou o atleta a forçar a expulsão. Porém, Ronaldo Freitas, especialista em leitura labial, mostrou como foi o diálogo entre o treinador e Ramon, em entrevista nesta segunda-feira (19) para o programa Bahia Meio Dia, da TV Bahia. “Pede ao Bruno, pode tomar o segundo amarelo”, diz Mancini. Pelo Regulamento Geral de Competições da CBF, o Bahia será declarado vencedor por 3 a 0. (Bahia Notícias)

 

FacebookTwitterGoogle+Share

Além de expulsões, árbitro relata invasões e cobranças de dirigentes

© Foto: Reprodução/Premiere Ba-VI

O primeiro Ba-Vi de 2018 terminou de forma lamentável com uma confusão generalizada entre jogadores dos dois times com direito a socos e pontapés. Por isso, no total nove jogadores acabaram expulsos no clássico, mas o último deles teve um dedo da comissão técnica do Vitória, com a orientação do técnico Vagner Mancini para que o zagueiro Bruno forçasse o segundo cartão amarelo e a consequente expulsão. Desta forma, o Vitória ficou com apenas seis jogadores em campo e o juiz Jailson Freitas teve de finalizar o Ba-Vi naquele momento porque o Leão da Barra tinha apenas seis atletas em campo. Em entrevista ao programa Bahia Meio Dia, da TV Bahia, nesta segunda-feira (19), Ronaldo Freitas, especialista em libras (leitura labial), decifrou o recado de Vagner Mancini para o zagueiro Ramon um pouco depois da expulsão do volante Uillian Correia, que havia deixado o time com sete jogadores.

Pede ao Bruno, pode tomar o segundo amarelo“, disse Mancini.

Mancini nega

Na entrevista coletiva logo após o Ba-Vi, o treinador do Rubro-Negro negou qualquer envolvimento ou orientação para que o defensor fosse expulso de campo.

“A decisão é de quem está dentro de campo. Se ele forçou o cartão foi porque o Bahia teve 12 minutos com um homem a mais. O Bahia poderia ter feito o gol nesses minutos. Estamos focando em cima de uma suposição. Quem tem prova disso? [Que o cartão foi forçado] É uma acusação muito grave em cima de pessoas do bem, de caráter, profissionais que estão aqui. Quem tiver a prova, que apresente. Acho que o foco não deve ser esse”, desabafou.

Como fica o resultado?

Devido à expulsão do zagueiro Bruno, o Vitória ficou com apenas seis atletas em campo no Ba-Vi. Segundo o artigo 56 do Regulamento Geral de Competições da CBF, “nenhuma partida poderá ser disputada com menos de sete atletas”. E que “após o início da partida, se uma das equipes ficar reduzida a menos de sete atletas, dando causa a essa situação, tal equipe perderá os pontos em disputa”, diz o inciso 3º. O inciso 4º complementa: “O resultado da partida será mantido, na aplicação do § 3º, se, no momento do seu encerramento, a equipe adversária estiver vencendo a partida por um placar igual ou superior a três (3) gols de diferença; e se tal não ocorrer, o resultado considerado será de três a zero (3×0) para a equipe adversária”. Por isso, o Bahia deverá ser declarado vencedor do Ba-Vi por 3 a 0. (MSN)

FacebookTwitterGoogle+Share

BA-VI VERGONHOSO acaba antes do tempo. Vitória 1 x 1 Bahia

Com cenas vergonhosas e lamentáveis, assim “terminou” o primeiro BA-VI de 2018. Mesmo com todos pedidos de clássico da Paz, isso não foi visto em campo. Com uma confusão no início do segundo tempo, com direito a inúmeras expulsões, o jogo terminou empatado em 1 a 1, quer dizer, não chegou nem a terminar. Após perder três jogadores expulsos, Vitória cavou mais expulsões para que o jogo fosse finalizado no Barradão. Leão com cinco expulsões forçou o final da partida. Os gols do jogo foram marcados por Denilson (Vitória) e Vinícius (Bahia). Com o resultado, o Vitória cai para terceiro colocado com 11 pontos. Já o Bahia segue fora do G-4, em 5º, com 9 pontos e pode ver a distância para o G-4 aumentar para 4 pontos. O próximo compromisso do Bahia é pela 3ª rodada da Copa do Nordeste, na próxima quinta-feira (22), às 21h15, contra o Náutico, na Arena Fonte Nova. O Vitória, por sua vez, entra em campo pelo Campeonato Baiano, em jogo atrasado da 5ª rodada, diante do Jacuipense, às 21h45, no estádio Eliel Martins. O primeiro gol começou a amadurecer aos 16 com Kanu perdendo excelente oportunidade cara a cara com Douglas (por falar no goleiro, errou todos tiro-livres que cobrou). Aos 33, não teve jeito. Numa verdadeira lambança da defesa do Bahia, novamente com falha do zagueiro Tiago, Denilson aproveitou passe de Rhayner e tentou duas vezes para marcar o primeiro gol do BA-VI e inflamar a nação rubro-negra no Barradão. Nervoso em campo, o Esquadrão ainda conseguiu criar uma boa chance nos instantes finais com o azarado Edigar Junio. Sozinho, o camisa 11 mandou na lua. No segundo tempo o que era um bom jogo de futebol se transformou em um campo de guerra, com cenas LAMENTÁVEIS e VERGONHOSAS. Após Uillian Correia colocar a mão na bola dentro da área, o juiz marcou pênalti, batido e convertido por Vinícius. Até aí tudo bem, o problema foi a comemoração do jogador que revoltou os rubro-negros. Fernando Miguel foi tirar pergunta e iniciou toda a confusão, com empurrões e socos para todos os lados. Depois que tudo se acalmou, Jailson Macedo foi atrás dos brigões. Kanu, Rhayner e Denilson foram expulsos pelo lado do Leão. Do Esquadrão, levaram o vermelho: Edson e Becão (reservas), Lucas Fonseca e Vinícius (titulares). Os goleiros Fernando Miguel e Anderson foram amarelados. Com enorme atrasado, finalmente a bola voltou a rolar e o Vitória perdeu mais um jogador. Uilliam Correia puxou, agarrou, abraçou Zé Rafael. Segundo amarelo e vermelho. Depois disso, alguma orientação veio para a equipe cavar mais uma expulsão e Bruno Bispo tomou a iniciativa e chutou a bola para finalizar a partida. VERGONHOSO E LAMENTÁVEL. (Futebol Bahiano)

 

FacebookTwitterGoogle+Share

Justiça condena Corinthians a ressarcir a Caixa por prejuízos com estádio

O Corinthians, a construtora Norberto Odebrecht, a empresa SPE Arena Itaquera e o ex-presidente da Caixa Econômica Federal Jorge Hereda foram condenados ao pagamento solidário de R$ 400 milhões à Caixa, como ressarcimento por prejuízos causados à instituição com a construção do estádio corintiano no bairro de Itaquera, na capital paulista. A sentença é da juíza Maria Isabel Pezzi Klein, da 3ª Vara Federal de Porto Alegre, e os réus poderão recorrer à segunda instância. A condenação decorre de ação popular motivada por falta de garantias do financiamento concedido pela Caixa com recursos liberados pelo BNDES numa linha de crédito de R$ 4,8 bilhões para reforma e construção dos estádios da Copa do Mundo de 2014. O empréstimo de R$ 400 milhões foi concedido à SPE, que na época, conforme a sentença, tinha capital social de apenas R$ 1 mil. Orçado inicialmente em R$ 899 milhões, o Itaquerão, como é conhecido o estádio do Corinthians, acabou custando R$ 1,2 bilhão. (EBC)

FacebookTwitterGoogle+Share

Tite já tem 15 nomes definidos para a Copa; saiba quem são

Restam apenas oito vagas para a seleção brasileira na Copa da Rússia. Dos 23 convocados, 15 já estão definidos. A declaração foi dada por Tite ao UOL. “Lista está aberta numa parte e fechada em outra. Fechada em nomes com uma situação consistente em seus clubes e que, dentro da seleção, já estejam confirmados, afirmados e jogando bem. São os 11 que iniciam [Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Miranda, Marcelo, Casemiro, Renato Augusto, Paulinho, Coutinho, Neymar e Gabriel Jesus], o Thiago Silva, o Fernandinho, o William, o Firmino”, contou o técnico. Entre as vagas abertas, estão a de um reserva para Daniel Alves. Dos jogadores que buscam espaço na equipe de Tite, estão, principalmente Edilson e Jadson. A convocação acontece, geralmente, cerca de um mês antes da competição, em meados de maio. O primeiro jogo do Mundial acontece dia 14 de junho, mas o Brasil só vai a campo dia 17, contra a Suíça. (Noticias ao Minuto)

FacebookTwitterGoogle+Share

Uso do árbitro de vídeo no Brasileiro de 2018 é rejeitado em reunião da CBF

© Fornecido por Areté Editorial S/A Na reunião, foi liberada a grama sintética a Arena da Baixada além do mando itinerante em cinco jogos (Foto: arquivo LANCE!)

Ainda não será nesta edição que o Campeonato Brasileiro de 2018 terá árbitro de vídeo. A rejeição ao uso do VAR já neste ano ocorreu durante uma reunião do congresso técnico da CBF, nesta segunda-feira. No encontro dos representantes dos 20 clubes da Série A, ocorrido na sede da entidade, 12 clubes votaram contra o uso do recurso já nesta competição, enquanto sete se demonstraram favoráveis. O São Paulo se absteve. Os clubes preferiram esperar as experiências a partir das quartas de final da Copa do Brasil. Caso seja bem-sucedido, o uso do VAR voltará a ser votado para o Brasileirão de 2019. Já o veto à grama sintética da Arena da Baixada foi rechaçado. Além disto, os 20 clubes da Série A aprovaram o mando de campo itinerante, que permite aos times atuarem por cinco vezes longe de seus estados de origem. A aprovação do mando itinerante trouxe algumas ressalvas: a obrigatoriedade da concordância do visitante e da federação do clube mandante. Além disto, não serão permitidas vendas de mandos nas últimas cinco rodadas do Campeonato Brasileiro.

FacebookTwitterGoogle+Share

Complicou! Exame de Anderson Silva mostra uso de testosterona sintética

Um dos maiores lutadores de todos os tempos, pode ter a carreira encerrada de forma surpreendente. Anderson Silva foi flagrado em exame antidoping em novembro de 2017, e de acordo com o site Combate.com, o ex-campeão dos médios teve detectados o uso de testosterona sintética (metiltestosterona) e diurético. Aos 42 anos, “Spider” pode pegar mais de dois anos de suspensão, punição que poderia sacramentar uma aposentadoria do brasileiro. A defesa de Anderson espera uma pena reduzida. Anderson Silva já foi flagrado e suspenso por doping em janeiro de 2015, no duelo contra Nate Diaz no UFC 183. Mas na época, o brasileiro foi punido pela Comissão Atlética de Nevada (NAC). Dessa vez, o ex-campeão será julgado pela USADA (Agência Antidoping dos Estados Unidos). Por se julgado pela USADA, a defesa de Anderson Silva, acredita que o brasileiro possa ser considerado um réu primário, se for assim, a punição do ex-campeão poderá ser menor que dois anos. (MSN)

FacebookTwitterGoogle+Share

Ipiaú: Vereador Orlando Santos faz indicações por revitalização de áreas esportivas

campoda

Na Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores nessa terça-feira(21), o vereador Orlando Santos apresentou algumas Indicações ao Poder Executivo, assim como: revitalização da área de lazer do Rio Novo ( Campo da Baixada ), contando também com a construção de vestiários e arquibancadas no campo; revitalização da área de lazer no Areião do Arara; revitalização da área de lazer Areião do Arara; revitalização do campo de futebol do Bairro ACM e reativação da área de lazer Mangabeira, mais conhecida como “Toca do Leão”, na Avenida São Salvador. Na oportunidade, o edil justificou suas indicações afirmando que as citadas áreas, uma vez beneficiadas, ofereceriam conforto e segurança aos esportistas e ao público que acompanha as partidas. ” O campo de futebol é um dos poucos locais de entretenimento e lazer da nossa cidade”, afirmou Orlando.

FacebookTwitterGoogle+Share